Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Estudantes promovem gincana sobre boas maneiras no trânsito em Caxias do Sul

Publicação:

Pessoas com certificados nas mãos
Alunos organizaram gincana com a temática do transito - Foto: Leonardo Portella
Por Assessoria de Imprensa - SMTTM

Os Estudantes da Escola Estadual Evaristo de Antoni organizaram, nesta terça-feira (24/09), uma gincana tendo como temática o trânsito. A atividade fez parte do projeto Multiplicadores de Boas Práticas no Trânsito e integrou a programação da Semana Nacional e Municipal do Trânsito. A instituição do bairro São José participou ao longo dos últimos meses da iniciativa, organizada pela Escola Pública de Trânsito (EPT), da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM), em parceria com a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (CIPAVE+).

Todas as tarefas da gincana foram alusivas à temática. Uma delas pedia para que cada equipe confeccionasse, com materiais recicláveis, um mascote que simbolizasse um personagem do trânsito. O pedestre foi o mais representado pelos jovens. Também foram realizadas atividades com a utilização de placas, circuitos e a produção de uma paródia. Diversas equipes adaptaram músicas da atualidade com mensagens positivas e de valorização da vida no trânsito e apresentaram para os colegas. “Passamos nas salas de aula, explicamos os objetivos da ação e todo mundo se envolveu. Trabalhar com gincana é uma maneira bacana de aprender e se divertir”, contou Julia Pereira, de 16 anos, estudante do 2º ano, uma das responsáveis pela organização da atividade.

Julia e outros colegas participaram do Multiplicadores de Boas Práticas no Trânsito e foram reconhecidos como parceiros de ações para o trânsito. Eles receberam uma capacitação dos agentes da SMTTM, durante os últimos três meses, quando os servidores deram dicas sobre sinalização, semáforos, botoeiras, faixas de segurança, acessórios para o transporte de crianças em veículos, entre outros assuntos. A missão era desenvolver iniciativas dentro da escola que disseminasse o aprendizado para todos os colegas, resultando na gincana organizada nesta terça-feira.

Além disso, os agentes da EPT organizaram em agosto uma blitz educativa com os estudantes em ruas próximas à instituição. Eles entregaram panfletos e conversaram com os motoristas sobre a importância do cinto de segurança, de não falar  no celular ao volante, entre outras orientações. Para o professor e representante da CIPAVE+, Volmir Varela da Silva, o projeto valoriza a iniciativa dos próprios estudantes. “A escola contribui, mas o mérito da ação é dos alunos. São eles os responsáveis do início ao fim. E isso é importante porque estimula o protagonismo deles e para que possamos ter atividades diferentes ao longo do ano letivo”.

CIPAVE